x
Home Sobre Artistas Histórias Contexto Testemunhos Bilhetes Info


Facebook

Instagram

Twitter

180 Creative Camp
Uma semana de colaborações nas Media Arts
Abrantes, Portugal, 01—08 Julho 2018

Organizado pelo Canal180

O 180 Creative Camp é um evento de 8 dias de colaborações criativas nas Media Arts, que tem lugar em Abrantes, Portugal.

Uma comunidade criativa internacional é convidada a descobrir a cidade, a fazer parte das atividades e a conhecer os seus parceiros internacionais.

Inscreve-te!

Primeiras Confirmações

academia

Jordy Van Den Nieuwendijk

é um ilustrador, pintor e Professor de desenho na Royal Academy of Art em Haia, Holanda. Os seus trabalhos são facilmente reconhecíveis pela sua cor, extravagância e sentido de humor. A trabalhar desde 2006, Jordy começou a pintar muito antes, fazendo graffits e retratos para os seus colegas de turma. Apesar de colaborar com clientes de topo e em projetos por todo o mundo, o artista afirma que o seu pico de felicidade acontece quando vai à praia passear com o seu cão. Ao longo da semana, vais poder trabalhar lado-a-lado com o Jordy e questioná-lo sobre de que forma ele se consegue colocar em primeiro lugar, sendo um dos artistas mais requisitados da atualidade.

academia

The Royal Studio

é um grupo portuense de design gráfico. O seu website é uma combinação de cores fluorescentes, texturas, mídia e efeitos tão alucinantes que hipnotizam! Mas atrás de toda esta loucura, há método. O design contemporâneo e vibrante de estilo colorido e maximalista do grupo, já deu origem a várias obras. Atualmente, os trabalhos dos The Royal Studio flutuam entre peças a solo do seu fundador, João Castro, e trabalhos com mais de 20 colaboradores. No workshop, terás a oportunidade de trabalhar com o grupo para a cidade de Abrantes e trazer mais cor e ideias loucas aos abrantinos.

academia

Negative Feedback

é uma revista trimestral e uma série de episódios online que celebram a fotografia analógica na era digital, criadas por George Muncey, um fotógrafo de 22 anos. George começou a fotografar apenas com 11 anos, e aos 15 já trabalhava num estúdio de fotografia. O seu canal no Youtube teve tanto sucesso, que deu origem a um grupo de partilha de fotografias e opiniões no Facebook, que posteriormente evoluiu para a revista “Negative Feedback”. Se tens dúvidas sobre fotografia analógica e máquinas de grande formato, o George é a pessoa certa para te ajudar.

academia

Devin Blaskovich

é um fotógrafo e artista plástico sediado em Brooklyn, Nova Iorque. Tendo iniciado o seu percurso nas artes performativas, Devin seguiu o caminho da fotografia em 2013 quando comprou uma 35mm para fotografar os seus dias em Nova Iorque, e não parou desde então. O artista dará um workshop de fotografia juntamente com George Muncey, onde os participantes terão a oportunidade de aprender mais sobre fotografia analógica, trabalhando com polaroids de grande formato.

academia

Elise by Olsen

é uma editora sediada em Oslo, na Noruega. Criou um blog aos 8 anos e, 5 anos depois, foi reconhecida internacionalmente como “a editora mais jovem do mundo”, através da sua revista sobre a cultura da juventude “Recens Paper”. Quando completou 18 anos, Elise abandonou a sua função como editora da revista para dar lugar à nova geração de jovens criativos, e para contribuir para o movimento criativo emergente. Hoje, Elise trabalha como consultora de marca, curadora, crítica de moda e oradora em universidades. Atualmente, é editora-chefe da revista “Wallet”. Se estiveres a pensar em publicar uma revista no intervalo dos TPC, podes pedir dicas à Elise, no Creative Camp.

academia

Jack Turits

é um jovem realizador com uma lista impressionante de curtas-metragens. Começou a fazer experiências no cinema muito cedo, tendo passado todo o seu tempo livre a fazer filmes de animação em stop motion na cave da sua casa. O seu primeiro grande filme, chamado "Away from War", foi realizado com um grupo de amigos, pouco antes de se formar. Um dos seus filmes mais recentes, “Have Had”, irá certamente dar mais visibilidade ao seu trabalho. Não vai demorar até vermos o nome de Jack no grande ecrã. Ultimamente, tem trabalhado com a Vice Media como realizador de grandes campanhas. Durante o camp, Jack convidará todos os participantes a criarem uma história em conjunto.

academia

It's Nice That

é uma rede editorial de apoio às criações artísticas online. O seu trabalho foca-se no envolvimento e na promoção de projetos inovadores através do seu website, da imprensa (revista bianual Printed Pages) e da programação de eventos. Fazendo parte de diversas colaborações, a rede pretende inspirar a nova geração de criativos e fornecer informação sobre as oportunidades existentes na área das indústrias criativas. Um dos membros da equipa editorial vai juntar-se a nós em Abrantes e os participantes poderão aprender mais sobre a indústria editorial.

academia

We are Europe

é uma organização criativa que reúne 8 eventos europeus para a promoção da diversidade cultural e para abrir espaço à partilha intercultural através de práticas artísticas inovadoras. A sua rede de criadores apoia a educação e a inovação nas áreas da cultura e música com o objetivo de fortalecer as comunidades artísticas europeias. Ao longo do evento, terás a oportunidade de conhecer alguns dos seus representantes e discutir ideias e visões sobre o potencial cultural europeu.

factory

Fala Atelier

é um estúdio de arquitetura sediado no Porto, em Portugal. Liderado por Filipe Magalhães, Ana Luísa Soares e Ahmed Belkhodja, estabelecido em 2013, o atelier trabalha com uma ampla gama de projetos, desde terrenos até casas de pássaros. Os projetos dos Fala Atelier são uma mistura de linguagens formais, referências, citações e temas, regidos por uma obsessão pela clareza; a sua arquitetura é hedónica e pós-moderna, intuitiva e retórica. Convidámos os Fala Atelier a deixar a sua marca em Abrantes. O seu estilo distinto usar materiais contrastantes surgirá na forma de uma instalação urbana, uma pequena intervenção que mudará a cidade.

factory

Husum & Lindholm

é um estúdio de arquitetura dinamarquês criado por Sine Lindholm e Mads-Ulrik Husum que, juntamente com o laboratório criativo da IKEA, o Space10, desenvolveu o esférico “Growroom” - uma estrutura para jardim do tipo “faça-você-mesmo”, uma horta urbana onde as pessoas podem desfrutar de sabores e odores. O conceito explora a forma como as cidades se auto-sustentam através da arquitetura de produção alimentar. Os planos da estrutura foram elaborados gratuitamente na plataforma online do laboratório Space10, onde qualquer pessoa podia criar o seu próprio jardim tridimensional. Na Fábrica do 180 Creative Camp decidimos criar, também, o nosso próprio Growroom juntamente com os abrantinos.

factory

W + Oupas!

Woupas é um coletivo formado pelo Oupas! - um estúdio de design portuense fundado por Cidália, Joana, Sofia e Tobias (o gato) - e pelo Wandson Lisboa - designer de comunicação e artista visual. Além da amizade que os une, quando se juntam, tudo o que imaginam é concretizado: é só terem papel, cartão, cola, um telemóvel com câmara, e muita imaginação. Começam pelo corta e cola, e depois fazem os “cliques”, registando criativamente as peças de cartão e papel. Neste workshop, cada mini-participante irá inventar uma personagem através da criação de uma máscara de cartão e papel, tendo como base formas geométricas simples.

festival

Luís Severo

Luís Severo is a young Portuguese singer and composer. His unique identity and lyrics about everyday life stories do not leave anyone indifferent. A single "Escola", from his latest album, remained for a few weeks on top of the Antena 3 list. Outside of his own projects, Luís Severo has also been a music producer of artists such as Filipe Sambado and Éme and composer of songs for artists such as Cristina Branco. After a week full of creative work, diving deep into Luis’ music will be a perfect highlight of the festival. On the last night of 180 Creative Camp, Luís Severo will give a concert together with the young local musicians from the orchestra of Academia de Músicos de Abrantes.

festival

AMA – Academia de Músicos de Abrantes

Com direção artística do maestro José Miguel Vitória Rodrigues, esta orquestra de sopros e de percussão, com a inclusão da secção de cordas, é constituída por músicos oriundos das bandas filarmónicas de Abrantes e de concelhos vizinhos.

festival

Galgo

é uma banda de estilo psicadélico composta por Joana Batista, Alexandre Sousa, João Figueiras e Miguel Figueiredo, que mistura post-rock, math-rock e afrobeat. O jovem grupo de amigos do secundário afirma que todos eles nasceram fora do “mercado musical”. Contudo, os Galgo marcam firmemente a sua presença, tanto nos festivais de verão, como na cena underground portuguesa.

festival

Mathilda

é o alter-ego de Mafalda Costa, compositora, cantora e instrumentalista portuguesa. Após ter pisado alguns dos melhores palcos do país, como o festival Paredes de Coura e a Casa da Música, Mathilda veio ao mundo. O seu primeiro lançamento "Lost Between Self Expression and Self Destruction” foi apoiado pela editora Planalto Records, em novembro de 2017. Para além de se fazer acompanhar por um ukulele ou por uma guitarra elétrica, em Abrantes Mathilda vai ser acompanhada também por Diogo Alves Pinto, mais conhecido pela sua one-man band, Gobi Bear.

festival

Juanita x Flares

é um compositor e produtor europeu movido pelo desejo de falar sobre a vida através da música. Cria a sua música experimental, inspirando-se nos mais profundos sentimentos e dores da sociedade atual. O primeiro EP de Juanita "Princes of Persia" (Dez. 2017) é uma afirmação e o resultado de incidentes da vida, meses de viagem e encontros inspiradores. Trata-se de uma paisagem sonora da luta pela liberdade em décadas passadas do antigo povo persa: desde jovens a dançar, desafiando as regras islâmicas no Irão, até refugiados fugitivos da Síria na luta Kurda pela democracia. Juanita, juntamente com o coletivo francês de arte digital Flares cria uma performance ao vivo única que teve estreia no Festival Mirage, em Abril deste ano.

festival

Antònia Folguera

Bzzzbip é o pseudónimo que Antònia Folguera usa para apresentar o seu trabalho como DJ. Antònia define-se como uma Aventureira Multimedia, trabalhando na curadoria e comunicação em áreas como a cultura, a arte e a tecnologia, e estando sempre atenta às últimas novidades culturais. Antònia não se consegue identificar com nenhum género musical em particular, preferindo definir-se como uma exploradora de micro-tendências e sons interessantes.

festival

David Bruno

é o mais recente projeto de David Bruno do Santos Besteiro, mais conhecido por dB, o produtor das melodias dos Conjunto Corona. O seu novo projeto a solo “O Último Tango em Mafamude” é descrito pelo autor como “um cruzamento entre Madlib (legendário produtor americano) e Marante com alguns solos de Bon Jovi pelo meio”. O cantor romântico 2.0 lançou o seu álbum de 30 minutos no youtube com um vídeo que presta homenagem à sua forte ligação com as suas origens Gaienses. 4400 OG ou Conjunto Corona caracterizam-se pela sátira e o O Último Tango em Mafamude não é exceção.

festival

Fugly

dois anos depois do seu primeiro EP “Morning After” e de muito sangue suor e lágrimas derramados, o grupo portuense surpreende-nos com o lançamento do álbum "Millenial Shit”, no início deste ano.
Criada em 2015 por Pedro Feio, Rafael Silver e Nuno Loureiro, a banda já deu mais de 40 concertos com o seu primeiro EP em festivais como o Vodafone Mexefest, o NOS D'Bandada, o Sumol Summer Fest, o Indie Music Fest e o Super Nova, e promete dar cartas com o novo projeto musical cheio de música caótica, frenética e excêntrica.

festival

Solar Corona

é um projeto cósmico realizado a três, criado em Barcelos, onde as formas físicas e intransponíveis se confundem com o instrumental. Rodrigo Carvalho, Jorge Esteves e Tiago Campelo, os autores, criam portais para as suas mentes e convidam o público a entrar nelas. Após o seu primeiro EP, os Solar Corona lançam “Outerspace” - uma segunda abordagem à sua atmosfera única que faz os corpos dançarem à medida que entram no seu mundo.

festival

Sequin

trata-se do projeto a solo da cantora portuguesa Ana Miró. Desde o início de 2013 que a sua música tem vindo a ser descrita como electro pop ou electro naive. A sua voz doce e os seus ritmos quentes levam-nos a um lugar exótico, onde a festa e a nostalgia andam de mãos dadas. O seu primeiro álbum lançado em abril de 2014 foi produzido por Moullinex e lançado pela editora Lovers & Lollypops. Em 2016, Sequin lançou “Eden”, um EP produzido por Filipe Paes, e em 2018 “Born Backwards”, o seu último projeto, produzido por Xinobi.

festival

Dj Firmeza

é um produtor sediado em Lisboa mas com as suas raízes africanas muito presentes demonstradas através das suas batidas frenéticas e ritmos viciantes. “Alma do Meu Pai”, o seu EP lançado em 2015, funde sons introspetivos com a personalidade forte do kuduro, dança tradicional angolana. Dj Firmeza é um dos membros mais jovens da Príncipe Discos, uma editora que tem tido um papel fundamental na difusão musical das comunidades emigrantes. O artista vai atuar na festa de encerramento do 180 Creative Camp.

2018: Contexto

O 180 Creative Camp é uma oportunidade para aumentar a rede de criativos e parceiros do Canal180. Propomos questões para melhor perceber o nosso contexto e para serem exploradas em diferentes projetos e atividades pela perspetivas das gerações mais jovens. Queremos promover a discussão e perceber os desafios, oportunidades, conflitos e ambiguidades.

Descarrega aqui a agenda



1. Porquê trabalhar com dimensões controladas, quando todos querem ser grandes?
2. Qual a importância dos eventos físicos numa era cada vez mais digital?
3. De que forma as tradições podem inspirar as novas gerações?
4. Como é que um evento "offline" pode conectar uma comunidade "online"?
5. Porquê distanciar-se para se estar no centro dos assuntos?

Academia

Conjunto de workshops, conferências e desenvolvimento de projetos.

Fábrica

Intervenções no espaço público e produção de conteúdos sobre o território.

Festival

Agenda de concertos, cinema ao ar livre, exposições e atividades públicas.

Testemunhos

Andrea, Itália

“Decidi inscrever-me porque descobri o 180 Creative Camp na internet - nunca tinha ouvido falar sobre o evento, mas pareceu-me tão divertido que decidi participar. Muita diversão, inspiração e boas pessoas!”

Lea, Alemanha

“Por vezes, ficamos demasiado presos ao nosso trabalho e começamos a pensar que não significa nada para ninguém. O 180 Creative Camp prova-nos o contrário.”

Sundas, Paquistão

“É fantástico ver como tantas pessoas se juntam durante uma semana a pensar num projeto e a criar algo. Até agora, tem sido muito divertido e tenho conhecido muita gente interessante!”

Grace, Canadá

“Criar ligações com outras pessoas, observar o trabalho dos outros, a entre-ajuda… É fantástico poder fazer parte disso.”

Sean, EUA

“Estou aqui no 180 Creative Camp para ensinar a minha filosofia sobre os documentários e tenho sido completamente surpreendido até agora. Fiz amizades incríveis e diverti-me imenso. Foi uma bela primeira vez em Portugal!”

Lucy, Polónia

“Decidi participar no 180 Creative Camp para, de alguma forma, reavivar a fábrica criativa que tenho na cabeça. Foi muito empolgante para mim trabalhar com pessoas de outras áreas. Por vezes, estas não se consideravam artistas, mas abordavam a arte de várias formas.”

Lourenço, Portugal

“Vim a primeira vez ao 180 Creative Camp em 2013, porque senti inveja de alguns amigos que tinham cá vindo anteriormente e que passaram o verão inteiro a falar sobre o evento. Desde então, fiquei viciado - é melhor do que chocolate com caramelo.”

Antonia, Espanha

“Coisas boas acontecem quando as pessoas se juntam, não importa onde, mesmo que seja uma cidade pequena. Todos os lugares são bons para expôr ideias e trocar conhecimento com pessoas.”

Bilhetes

O 180 Creative Camp 2018 está esgotado, mas ainda podes participar no festival. Todos os concertos são abertos ao público e o campismo é gratuito! Mais informações no Welcome Center Abrantes ou via info@180.camp

Contactos, Dúvidas e Press

Para mais informações faz o download do nosso Documento Especial com FAQ’s sobre o evento ou descarrega o nosso Press Kit.

Se ainda te restam dúvidas, podes também enviar um email para info@180.camp. Subscreve à nossa Newsletter e segue-nos no Facebook ou no Instagram para saber todas as novidades.